Páginas

sábado, 30 de agosto de 2014

Tecnologia de primeiro mundo chega ao Brasil!

Não não não! Digam q não estou sonhando.... Finalmente o Universo ouviu minhas preces!!!

Carregador pra qualquer equipamento dentro de um táxi em SP! Segundo o taxista, estão sendo implantados nos táxis do Aeroporto de Congonhas e 70% da frota equipada com esta maravilhaaaaa. Custo zero pra ele.

A TIM paga o equivalente a 2 tanques de combustível e é ligado na bateria do automóvel. É ou não é uma maravilha??? Aaaaaaaaaaleluiaaaaaaa

#mundoporela testou e aprovou! Passou no teste. Espero q breve tenha em todo o país.

sexta-feira, 8 de agosto de 2014

Ilha Grande - Um fim de semana extraordinário!!!

Foram apenas dois dias, mas foram mágicos ...

(Lagoa Verde, vi um cavalo marinho neste paraíso)


Ilha grande é aquele tipo de lugar que você pensa em largar tudo e ir morar lá um dia, pelo menos foi isso que desejei várias vezes .

Fomos sem reserva, compramos as passagens na hora e sabe o que nós aprendemos com isso? Vale a pena viajar de qualquer jeito.

Fomos com um amigo meu Luis que eu não encontrava há 14 anos. Aliás, todas as fotos são dele, um maravilhoso fotógrafo além de chef de cozinha.  

Saímos da rodoviária Novo Rio no Rio de Janeiro, compramos passagem para Conceição de Jacareí e de lá partimos de fast boat para a Ilha com a Equipe Objetiva, onde fomos muito bem tratados pela Bruna, que nos deu dicas valiosas . 

Agora imaginem a cena: noite, mochila nas costas, sem conhecer a Ilha e batendo de pousada em pousada procurando lugar, mas conseguimos, viajantes sempre conseguem .

Ficamos em uma pousada humilde, com preço honesto e com direito a café da manhã .

Festa Julina na praça da Vila do Abraão? Tinha sim, senhor. E nós fomos, dançamos uma quadrilha bem globalizada com gente de todo o mundo, já que era época de Copa do Mundo e a Ilha normalmente vive cheia de estrangeiros. 



No primeiro dia um passeio meia-volta na Ilha com uma galera mais que maravilhosa que conhecemos no fast boat na noite anterior, preço justo também, abaixo do que a galera costuma cobrar, guia legal, e mais novos amigos na lancha.



Eis nosso grupo, 2 casais cariocas, 3 franceses que sabiam cantar Michel Teló, 2 tímidas canadenses que estavam com o pessoal que conhecemos e meu amigo brasileiro/japonês, nós e mais 2 casais cariocas do nosso grupo. Tava formada a quadrilha, kkkkkkk, foi diversão, mergulhos, vários idiomas falados, música e clube social e biscoitinhos divididos para todos que eu tinha levado.



O guia nos leva pra almoçar no meio do passeio, mas demora e é caro, por isso tenha sempre seu lanchinho na bolsa. Fim do primeiro dia e gostinho de quero mais.




Segundo dia, tivemos a maravilhosa idéia de fazer uma trilha de bike até um vilarejo próximo, alugamos a bike e roda na estrada. Mas não caros amigos, essa que vos escreve não conseguiu subir a montanha pedalando e levou a bicicleta pra passear, mas a descida foi fantástica, valeu cada gotinha de suor e foram muitas da subida.


Chegamos a Dois Rios, e mais uma vez a natureza, a leveza, a paz e a simplicidade daquele lugar deram um alento ao meu coração. 

O vilarejo já foi lugar de dor, pois lá se encontrava um presídio, hoje semi-demolido. É possível visitar as ruínas e um museu e conhecer seu Júlio, figura histórica do local que esteve preso lá, hoje mora com a família e conta "causos" como ninguém.

(Presídio semi-demolido em Dois Rios)





(Piscina dos Soldados. Quem trabalhava no antigo presídio precisava fazer uma trilha longa pra ir ou vir e se refrescavam nessa piscina natural. Óbvio que eu tmb tomei meu banho e enquanto a água me gelava até os ossos eu pensava em quantas pessoas já tinha passado por ali. História e imaginação me alimentam).


Tem um rio que encontra o mar em uma praia deserta, tem casinhas que parecem que saíram de um desenho animado e tem aquela vontade de nunca mais sair de lá , mas temos que subir a montanha de novo.





Mais suor mas risadas e... uma piscina natural que não vimos na descida louca e desenfreada que fizemos . Que agradável surpresa, um banho gelado e revigorante fez a subida ficar mais leve.








Foram só 2 dias, voltaremos para contar mais mas a praia mais linda que eu fiquei sabendo é Aventureiro, mas é protegida, tem que ter permissão para acampar se essa for a sua praia.


Tente fazer a volta completa na Ilha Lopes Mendes que também reserva surpresas. Vá assistir o nascer do sol no Bico do Papagaio, uma trilha bem sinalizada, como todas as próximas a Vila do Abraão. Sempre leve água, comida e avise a alguém aonde vai. O seguro morreu de velho. 


Os preços não são absurdos, talvez em alta temporada as coisas piorem um pouco.



Segue a lista de preços e os nomes das agências e pousada que nos atenderam.

Fast Boat - Equipe Objetiva - R$30,00 a travessia que dura em média 20 minutos. Contato da Bruna (21) 97560-0961. Também oferecem passeios náuticos, aluguel de barcos, estacionamento e hospedagem.

Vale lembrar que tem uma barca que sai uma vez por dia e que custa R$4,80. Ela sai às 8h da manhã. Você pode se programar e gastar menos. 


Passeio meia-volta na Ilha - (vocês vão me matar mas eu esqueci o nome da agência, acho que era Navegação ?!?!) R$70,00 em dinheiro e R$80,00 no cartão. São de uns argentinos, um até muito "guapo" rsrs. 



Aluguel da Bike - R$40,00 a diária (Fica ao lado da pousada Juliana, no Bouganville, não tem como errar).



Pousada do Bicão - 2 dias - R$70,00 por pessoa. Telefone: (24) 3361-5005

Celular: (24) 998122958 / (21) 996815157. 
email: pousadadobicao@hotmail.com


Costa Verde Trasnportes - Lá na Ilha tem um guichê como o da rodoviária para a venda das passagens e você já compra o fast boat da volt. 

Passagens de ida e volta para o Rio foram aproximadamente R$80,00


O site da Ilha ajuda muito também : www.ilhagrande.com.br






Ficou em dúvida? Quer mais alguma informação? Entre em contato com a gente através do nosso blog ou da nossa página no face porque omundoporela não para. Bjos e até a próxima.

Por Day Alves

Poderá gostar também de:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...